At. 2.1.1 – Detecção dos recursos arquitetónicos chave e interpretação dos mesmos desde o ponto de vista energético para sua inclusão em um gestor do património

Coordena: CICOP

Nesta atividade se analizara a informação disponível sobre património arquitetónico em ambas as regiões, identificando os elementos clave em quanto á sua conservação e potencial turístico, para posteriormente interpreta-los desde a perspetiva energética. Estos elementos incluirão-se no Gestor de Patrimonio Cultural de Canarias e se desenvolverá um novo gestor para Cabo Verde, começando pela ilha de Fogo. Estas ferramentas telemáticas permitirão elaborar estratégias coincidentes entre a conservação do património e as opções compatíveis e sustentáveis de usos turísticos e de ocio cultural. Posteriormente se transferirão os resultados obtenidos aos agentes claves.

Enlace á versão atual das ferramentas Gestor de património Cultural de Canárias e Cabo Verde.

Acessos: 0